quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Noticias de um amigo sumido, não tem preço...

Acabo de desligar o telefone.
Depois de dias de uma busca desenfreada no Google, enfim achei uma pista. lembrei de uma postagem que ele fez e me agradeceu e fez uma homenagem a sua colega de trabalho a Nilza. O Dani trabalha num orgão público de Manaus, cheguei a um número de telefone. Então, liguei no tal DNPM e quem atende? A própria Nilza, primeiro lá vai eu explicar quem eu era, eita constrangimento ( meda dela me achar uma doida, afinal, não se pode mesmo confiar); mas ela se lembrava de mim, Daniel já havia falado com ela da D. Lilian aqui ( fiquei metida). E sabe o que ela me disse? Que Dani estava bem e me surpreendeu dizendo que ele estava trabalhando se eu não queria que passasse a ligação, óbvio que quis
Trimmmmmm
Trimmmmmmm, e o coração disparado...atende dani...
Trimmmmmmm e nada de Daniel atender, 
Trimmmmmmmmmm aff, que falta de sorte, ele não esta na sala
Trimmm  _ Alô, uma voz masculina, forte porém doce e serena atende.
Alô, quem fala?
Daniel.
Daniel Antonio Cavalcante Guimarães?
Sim, respondeu Dani meio ressabiado já.
Daniel do blog Linfoma, L'infame ? e que não posta a umas 6 semanas e que me deixou aqui doida sem noticias? Nesta hora dani ja ria, tinha certeza que se tratava de uma doida
Sim sou eu mesmo, quem esta falando?
Sou eu Lilian, e pronto. Foi emoção total. 

Conversamos  e enfim eu consegui noticias deste meu amigo querido que a internet apresentou, trocamos telefone e vou até ganhar uma remessa do legitimo guaraná do Amazonas..
Foram pouco mais que  10 minutos e nossa, foram os mais felizes dos ultimos dias. Tanto a mim, estava mesmo muito preocupada , quem passa por essa doença, sabe o quanto ela é devastadora e a gente sente pelo outro, justamente porque trilha o mesmo caminho. 
O silencio do Dani, me pareceu ser algo ruim, mas qual nada, era só azedume mesmo, desanimo de postar, por desacreditar que as pessoas sentem sua falta. Senti por ele estar se sentindo assim, tão desestimulado a escrever, mas feliz que esteja bem...
Entendo perfeitamente o que Daniel sente, quem não conhece o seu blog, tem que conhecer,http://meubloguezinho-dudu.blogspot.com é maravilhoso, suas postagens são sempre eloquentes, temas diversos e muito, muito elucidativas. Com certeza ele deveria ser premiado. E imaginem que sua ultima postagem, de um mês atrás, tem apenas 3 comentários, procurando por ele, ele ficou achando, e achando bem errado, que não valeria a pena postar, um absurdo. Mas não deixo de dar razão a ele, porque quando temos um blog, os comentários de nossos posts, são a resposta de que estamos sendo lidos, que o post foi legal, enfim, que não estamos só.

Mas enfim, foi bom falar com você viu meu amigo querido, senti muito medo de ter uma noticia ruim, e falamos sobre isso também, a tristeza de saber que um companheiro se vai. Não é fácil porque imaginamos nossa luta, nosso fim, desanimamos, só que esquecemos que cada um é cada um e cada um tem sua cruz pra carregar. Cruz que fica mais suave de carregar se caminhamos com bons amigos, que mesmo com as suas lutas diárias, acompanham as nossas; que mesmo com seus medos, tenta afastar os nossos, que compreendem nossos surtos de depressão, nossas angustias, nossas dores, nossos medos, pois também tem os seus. Daniel é um amigos destes, mas eu tenho a sorte de ter muitos outros, que não me atrevo a citar pelo nome, mas que são imprescindíveis em minha vida. Amigas do peito, do Quarteto, de luta, dos blogs, do face.

E vamos combinar uma coisa? NO DIA, dia eu me for, (daqui a muitos anos), pode ficar triste, mas só um pouquinho,  não quero que  digam: mais uma amiga que perdeu pra doença, porque ela jamais vai me vencer, só é perdedor quem nunca lutou, e eu lutei, chorei, desanimei, esperniei, animei, sorri, e mesmo nos momentos que eu disse que desistia, eu não desisti e quem ficar triste por isso é um bobão. Pode fazer homenagem, pode chorar, pode se lamentar, mas jamais me taxar como perdedora e ficar triste demais, afinal, terei ido pro céu (será?).
Mas credo, o post era sobre o Daniel, voltemos a ele.
Depois de devidamente ameaçado se não postasse mais ou desse noticias, me despedi do amigo querido e já fui pro portão, pois ele me prometeu o envio de guaraná legitimo...
E me prometeu postar. Mas eu corri na frente e postei minha alegria, porque foi muito bom, muito bom mesmo saber dele e sabe-lo bem.
Beijos Dani , força e fé. Sempre
Deus abençoe a todos nós, que unidos por essa blogosfera nos tornamos amigos. .

e quem puder, por favor, vá no blog dele e deixa um recadinho, ele ta precisando uma injeção de animo.

5 comentários:

O SOL do amanhã... disse...

Lilian senti na pele a emoção que vc narrou ao falar com o Dani, bom demais ter amigos, bom demais saber que somos amados e queridos, corto meu dedinho do pé (pq é feio mesmo) se o Dani não chorou do lado de lá de tanta alegria.
VIU COMO VOCÊ FAZ BEM AS PESSOAS?
VIU O PODER QUE TEM EM TORNAR O DIA DE ALGUEM MAIS FELIZ?
Te adoro!!!

Vera do sullllll disse...

Olá!
Você é demais...
Fazendo uso de duas tecnologias ( Internet e telefone)localizou o Daniel. Que bom viver nesta época.... Obrigada Deus por nos permitir ver tudo isso.
Bjs

Keila Rocha disse...

Legal vc se preocupar com os amigos, isso faz com que a autoestima faça efeito como um remédio... bjooooooo

Anônimo disse...

Que bom saber que vc e ele estão bem. Estava preoucupada com vc. Sei da sua quimio e sei tb que não está sendo nada fácil. Mas vc tem um alto astral que contagia a todos que a acompanham. Força guerreira. bjs

Cristina disse...

Que bela atitude a sua, procurar pelo amigo, lindo gesto. Imagino a emoção ao falar com ele. Isso aí Lilian, é isso que faz a diferença. Um grande abraço para os dois!

Postar um comentário

Obrigada por ler o blog, fico feliz que esteja aqui. Deus nos abençoe!!!!